Inscrições abertas para o Mestrado em Estudos Africanos do ISCTE-IUL

Lisboa, 11 de Abril de 2014. Estão abertas as inscrições para a 25ª edição do Mestrado em Estudos Africanos (MEA25) do ISCTE-IUL, um dos mais antigos e conceituados mestrados nesta área científica no espaço da língua portuguesa. O MEA formou, desde a sua fundação em 1989, um grande número de mestres que hoje se encontram em várias áreas profissionais – desde a administração pública e organizações da sociedade civil, a investigação e ensino, à diplomacia e organizações internacionais e ao sector empresarial.

O MEA está organizado de forma a dar uma visão abrangente das principais problemáticas sociais e socioculturais, políticas e económicas africanas com enfoque também nas relações internacionais africanas. A abordagem interdisciplinar e uma perspetiva crítica em relação aos debates africanos contemporâneos contribui para proporcionar aos estudantes um clima da aprendizagem num espaço livre e internacional. O MEA tem, assim, atraído estudantes de vários países africanos, de Portugal, do Brasil e de muitas outras nacionalidades que passam a integrar uma rede de internacional de Mestres em Estudos Africanos do ISCTE-IUL onde continuam a partilhar experiências e conhecimentos. Este curso  inscreve-se no quadro mais amplo dos Estudos Africanos no ISCTE-IUL que, também, oferece o único Doutoramento em Estudos Africanos em Portugal.

Desde o ano passado que o mestrado funciona em regime intensivo, com 5 semanas de aulas presenciais por semestre durante o primeiro ano O regime intensivo foi pensado de modo a dar oportunidade a estudantes estrangeiros de frequentarem o mestrado sem terem de suspender as suas actividades profissionais.

O MEA foi avaliado em 2015 e obteve a acreditação máxima (6 anos) pela Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES).

Sobre o Mestrado em Estudos Africanos

  • O Mestrado em Estudos Africanos tem a duração de dois anos.
  • O horário do curso é pós-laboral, em regime intensivo, com 5 semanas de aulas presenciais por semestre.
  • Pode ser frequentado em regime de tempo inteiro ou de tempo parcial
  • Confere 120 créditos (ECTS) e o grau de Mestre em Estudos Africanos.
  • Aos alunos que concluam o primeiro ano é atribuído o Diploma de Estudos Pós-Graduados em Estudos Africanos, com 60 créditos (ECTS).
  • Os dois primeiros semestres consistem em dez unidades curriculares (UC).
  • As Unidades Curriculares incluem Sociologia Africana, Antropologia e História de África, Economia, Teorias de Políticas do Desenvolvimento, Cooperação Internacional, Estado e Política, Globalização e Relações Internacionais, Planeamento e Avaliação de Projectos e Organizações Não-governamentais.
  • O segundo ano é dedicado à elaboração da dissertação ou do trabalho de projecto.
  • Os seminários no segundo ano permitem o acompanhamento sistematizado na organização da investigação e na elaboração da dissertação.

Aceda aqui aos testemunhos de alunos dos anos anteriores:

Mais informações em:

Contactos para mais informação:

  • Nome: Ulrich Schiefer (Coordenador); Maria Luís Figueira (secretariado)
  • Instituição: Escola de Sociologia e Políticas Públicas, ISCTE-IUL
  • Telefones: +351 21 04 640 15; +351 210 464 123 Ext.291505 (Maria Luís Figueira)
  • Email: secretariado.espp@ iscte.pt; Maria.Luis.Figueira @ iscte.pt; schiefer @ iscte.pt

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s